Matéria publicada por: Weslley Paz em 17/10/2014

Coivaras, Altos e mais 37 municípios do Piauí pedem forças federais no 2º turno

Apesar da disputa do segundo turno ser apenas para o cargo de presidente da República, os juízes de 20 zonas eleitorais do Piauí pediram ao Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) pediram o reforço de homens do Exército durante o pleito. Os pedidos serão analisados na sessão de hoje pela corte do Tribunal e se forem aprovados 38 municípios receberão reforço na segurança.exercito

De acordo com o juiz Joaquim Santana, seus colegas das comarcas as justificaram os pedidos afirmando que mesmo após o primeiro turno, muitos municípios ainda se encontram com os ânimos acirrados.

“Os juízes dessas zonas acharam necessário esse reforço para que a paz e o bom andamento da eleição possam ocorrer no segundo turno assim como ocorreu no primeiro. A corte do TRE-PI vai analisar esses pedidos”, comentou.

Entre as cidades que poderão receber reforços dos homens do Exército no segundo turno estão Parnaíba, Ilha Grande, Uruçuí, São João do Piauí, Altos, Dermeval Lobão, Pau D’ Arco do Piauí, Coivaras, Lagoa do Piauí, Pedro Laurentino, Campo Alegre do Fidalgo, João Costa, Capitão Gervásio Oliveira e Lagoa do Barro do Piauí. No primeiro turno este número chegou a 65 cidades piauienses.

Segundo informações do TSE- Tribunal Superior Eleitoral, o Piauí foi o Estado que mais recebeu reforço na segurança do primeiro turno. Em segundo lugar ficou o Pará, com 56 cidades. O Rio Grande do Norte foi o terceiro com confirmação de tropas para 36 municípios. As eleições em 10 cidades do Maranhão contaram com o reforço. Em último ficou o Tocantins: com 3 municípios que receberam tropas federais.

Fonte: Jornal O Dia

Comentar no Facebook

Deixe seu comentário