Curta a nossa página
 
14/01 18h30 2022 Você está aqui: Home / Cidades Walton Carvalho Imprimir postagem

Prefeito de Curimatá decreta situação de emergência por causa das chuvas

Valdeci Junior (Progressistas), decretou situação de emergência no município, devido a gravidade da situação, com alagamentos, e inundações.

Por conta das fortes chuvas que tem atingido a cidade de Curimatá, no sul do Piauí, o prefeito Valdeci Junior (Progressistas), decretou situação de emergência no município, devido a gravidade da situação, com alagamentos, e inundações. 

O decreto foi publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM) desta quarta-feira (12).

​​​​​De acordo com o gestor, equipes da prefeitura estão monitorando a situação da população que mora nas áreas afetadas pelas chuvas, e já contabiliza quase 60 famílias atingidas. 

“Quase 60 famílias que moram nas áreas afetadas pelas fortes e intensas chuvas foram cadastradas e serão monitoradas para receberem todo o suporte necessário pela Secretaria Municipal de Assistência Social”, divulgou o prefeito. 

O gestor informou ainda que o município teve que abrir o sistema de segurança da Barragem Vereda da Cruz, para que ela não transbordasse. 

“Também tivemos que abrir o sistema de segurança da barragem Vereda da Cruz para que ela não transbordasse e causasse mais prejuízos. Montamos uma força tarefa para limpeza de ruas e avenidas. Além disso, estamos fazendo o levantamento dos prejuízos na parte de infraestrutura, como estradas e prédios públicos para que possamos fazer os pequenos reparos o quanto antes e os demais, mais complexos, elaborar um projeto para iniciar tão logo o tempo esteja estável”, acrescentou. 

Um trecho da PI 256, que liga a cidade de Curimatá a Morro Cabeça no Tempo se rompeu, com a forte chuva que caiu no dia 10 de janeiro, deixando a via inacessível.

 

Fonte: R10

 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
lista mais

Artigos relacionados