Curta a nossa página
 
23/06 17h52 2022 Você está aqui: Home / Polícia Da Redação Imprimir postagem

Garota de 11 anos vítima de estupro aguarda para fazer aborto de gêmeos no Piauí

O estuprador encontra-se preso na Cadeia Pública de Altos (PI)

Uma criança de 11 anos, grávida de 14 semanas de gêmeos, aguarda para fazer aborto após ter sido vítima de estupro em Tanque do Piauí, a 240 km de Teresina. De acordo com a Polícia Civil, o padrasto da criança, de 35 anos, foi preso suspeito do crime.

A vítima deu entrada na Maternidade Dona Evangelina Rosa, em Teresina, no dia 6 de junho e foi aberto um protocolo no Serviço de Atendimento às Mulheres Vítimas de Violência Sexual (Samvvis), que funciona na própria maternidade, para realizar o procedimento de interrupção de gestação . A autorização saiu nesta quinta-feira (23). O caso é acompanhado pelo Conselho Tutelar de Tanque do Piauí.

 

Ao g1, o Samvvis informou que não se pronuncia sobre casos específicos de vítimas de violência sexual. O delegado Felipe Andrade, responsável pela investigação, informou que o suspeito estava com a mãe da criança há um ano. Ele aproveitava a ausência da companheira para abusar da menina.

 

"Ele ameaçava a vítima para que ela não contasse dos abusos. A mãe ao descobrir a gravidez da filha questionou o companheiro, o mesmo confirmou o estupro e ainda a ameaçou. A própria mãe procurou o Conselho Tutelar, que acionou a polícia sobre o caso", contou.

Exames feitos na vítima comprovaram a conjunção canal e a Polícia Civil indiciou o padrasto pelo estupro de vulnerável. Diante das provas, a Justiça decretou a prisão preventiva do suspeito, que foi cumprida no dia 4 de junho em Tanque do Piauí. Ele encontra-se preso na Cadeia Pública de Altos.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.